X
Acesso aos Serviços

Notícias / Confea

Notícias

Confea fortalece diálogo com tecnólogos

14/05/2018


As demandas dos profissionais tecnólogos estão na agenda do Conselho Federal de Engenharia e Agronomia (Confea), com destaque para o PL 2245/2007, o qual regulamenta o exercício da profissão de tecnólogo e que atualmente aguarda deliberação de recurso na Mesa Diretora da Câmara dos Deputados.

O assunto foi pautado na manhã desta quarta-feira (9) em reunião entre o presidente do Confea, Joel Krüger; o presidente da Associação Nacional de Tecnólogos (ANT), Ernesto Berkenbock e o vice, Kennedy Luiz Souza do Nascimento; o presidente da Federação Nacional de Tecnólogos, Efraim Geraldo Leite; e o presidente do Sindicato dos Tecnólogos de São Paulo, José Paulo Garcia. Também participaram do diálogo os conselheiros do Confea André Schuring, Luciano Camoeiras, Laércio Santos e o vice-presidente Edson Delgado.

Ao ouvir o pleito da categoria, que hoje soma 34 mil profissionais com registro ativo no Confea, o presidente Krüger abriu espaço para um debate permanente com o grupo e, mais do que isso, disse pretender estabelecer uma relação de confiança entre o Conselho e as demandas das lideranças da classe. Para o presidente – que já foi coordenador de dois cursos de tecnólogos e tem amplo conhecimento das necessidades da categoria –, a expectativa é de que a discussão caminhe de forma positiva e que o Confea possa trabalhar para defender a regulamentação da profissão no Congresso Nacional.


Também confiante no fortalecimento do diálogo com os tecnólogos, o conselheiro federal e relator de moção acerca da regulamentação da profissão, Luciano Camoeiras aposta no trabalho em conjunto para alcançar conquistas para a classe. “Precisamos dialogar para irmos juntos ao Congresso Nacional e garantir os direitos dos tecnólogos que são habilitados para exercer a profissão”, afirmou Camoeiras ao adiantar que o texto da moção será construído no sentido de dar o apoio necessário ao grupo.

Destrave
Parado na Câmara dos Deputados por conta de dois recursos apresentados pelos deputados Jair Bolsonaro (PSL-RJ) e Sandro Alex (PSD-PR), o PL 2245/2007 está na Mesa Diretora aguardando que esses requerimentos sejam deliberados. De acordo com o site da Associação Nacional de Tecnólogos (ANT), a paralisação do PL é em “decorrência de manobra regimental de apresentação de requerimento para que seja submetido ao Plenário”.

O destrave da matéria na Câmara demanda aproximação política entre Confea e entidades representativas, na opinião do presidente da Federação Nacional de Tecnólogos, Efraim Geraldo Rodrigues. “Essa reunião de hoje é um começo de articulação”. A mesma avaliação é compartilhada pelo presidente do Sindicato dos Tecnólogos de São Paulo, José Paulo Garcia, para quem a reunião foi proveitosa e sinaliza uma harmonização. “Precisamos do apoio do Confea para que os requerimentos sejam retirados e que o Projeto de Lei siga a tramitação”.

Superada a fase dos recursos, o PL ainda deverá seguir para o Senado e, uma vez aprovado sem alterações, será encaminhado para sanção e promulgação pela Presidência da República.

Sobre a profissão
Tecnólogo é um profissional de nível superior com especialidade em determinada área de atuação. No Confea, a Resolução 313/1986 dispõe sobre o exercício profissional dos tecnólogos das áreas submetidas à regulamentação e fiscalização instituídas pela Lei n° 5194/1966.


Equipe de Comunicação do Confea

Fonte: GCO Confea

COMPARTILHE ESTE CONTEÚDO

notícias

ver todas

revista

Revista 59

Ediçâo 59 | 2018


outras edições