X
Acesso aos Serviços

Notícias / Crea-BA

Notícias

Homenagens a profissionais e instituições marcam o Dia do Engenheiro

Cerimônia foi realizada na noite desta quarta-feira (11), no Hotel Fiesta.

12/12/2019




Profissionais formados em 1969 em Engenharia, Agronomia e Geociências foram homenageados na noite desta quarta-feira (11) pelo Conselho Regional de Engenharia e Agronomia da Bahia. Instituições como a Federação das Indústrias da Bahia, a Companhia de Pesquisa de Recursos Minerais (CPRM), Associação de Agricultores e Irrigantes da Bahia (Aiba) e Associação Baiana dos Produtores de Algodão (Abapa), também receberam honrarias do Crea. O evento, realizado no Hotel Fiesta, contou com o patrocínio do Conselho Federal de Engenharia e Agronomia e apoio da Mútua – Caixa de Assistência dos Profissionais do Crea.

Na ocasião, foram ainda homenageados os conselheiros que estão se despedindo do mandato e informado sobre o trabalho realizado em 2019 pelas oito câmaras especializadas, que até outubro deste ano, relataram mais de 14 mil processos. O presidente do Confea, Joel Kruger, não pôde participar da cerimônia porque a data coincidiu com a realização da sessão plenária do Conselho Federal. Campanhas em favor da valorização profissional foram ainda apresentadas.


O presidente do Crea, engenheiro civil Luis Edmundo Campos, afirmou que o momento era de levantar a autoestima dos profissionais e fazer o engenheiro ocupar o seu lugar na sociedade. Revelou que implantou cinco colégios consultivos:  de Órgãos de Controle, Entidades Empresariais, Serviços Públicos, de Instituições de Ensino e de Ex-Presidentes. “Quero que no final da minha gestão os profissionais sintam orgulho de pertencer ao Crea”.

O gestor ainda destacou o desafio de mudar o perfil dos profissionais que estão ingressando no mercado. “As universidades deverão se adequar as novas diretrizes curriculares e respeitar as diferenças dos jovens que estão estudando engenharia hoje”, enfatiza.

A vice-presidente do Crea, engenheira civil Karen Daniela, chamou a atenção para a atuação dos engenheiros homenageados,  revelando que muitos ainda estão no mercado. “Muitos estão na ativa, são nossos colegas no conselho, lutando pela nobreza da engenharia”, observa.

O diretor regional da Mútua, Emanuel Alves, falou sobre os 42 anos de atuação da Caixa de Assistência dos Profissionais do Crea. “A Mútua nasceu para ajudar na solução das demandas dos profissionais, instituição de ensino e de entidade de classe”, frisa.


Representando o governador Rui Costa, o superintendente de Planejamento e Gestão Territorial da Secretaria de Desenvolvimento Urbano, Armindo Gonzales falou sobre a satisfação de ser engenheiro e de tocar obras, como a Via Expressa. Também destacou os desafios do serviço público e a importância de os engenheiros enfrentarem às dificuldades. “Sinto um orgulho muito grande de ser engenheiro e, por meio do Governo, ajudar a transformar o nosso estado”.

Durante a solenidade os oradores das turmas de Engenharia, Agronomia e Geociências. José Rogério Vargens, Joselito da Silva Motta e Miguel Martins, respectivamente, representaram os homenageados, fazendo os devidos agradecimentos ao Crea pela oportunidade. A única engenheira da turma, Sônia Maria Mathias Guerreiro Costa, foi amplamente aplaudida e agradeceu aos colegas e ao conselho pela distinção.

A solenidade também comemorou os 85 anos de atuação  do Crea, completados em abril deste ano. 




Fonte: Ascom Crea-BA

COMPARTILHE ESTE CONTEÚDO

notícias

ver todas

revista

Revista 66

Edição 66 | 2019


outras edições